Empréstimo bolsa família para 2020

Empréstimo bolsa família

Um programa governamental, o bolsa família, que tem o intuito de auxiliar famílias que vivem em situação de extrema pobreza visando uma melhor distribuição da renda.

Cerca de 2 bilhões de reais são investidos por mês no programa que atinge por volta de 14 milhões de famílias e tem uma media de contribuição de um valor de 186 reais para pessoas que não estão aptas ou não possuem um emprego fixo.

É um programa que garante uma qualidade de vida melhor para algumas famílias em necessidade através de um valor determinado todos os meses, tendo em vista a necessidade de cada família, esse valor pode variar para mais ou menos dependendo de cada situação.

Somente aquelas famílias que estiverem em situação de extrema pobreza ou pobreza tem o direito a esse benefício que pode variar de 89 reais a 178 reais por cada grupo familiar. É necessário possuírem filhos menores de 17 anos ou uma gravidez para se ter direito ao benefício.

Caso haja adequação as regras para o benefício, as famílias devem se cadastrar no CRAS (Setor que se responsabiliza pelo bolsa família) da sua cidade.

E como pedir um empréstimo através do bolsa família?

Criado para dar uma melhor oportunidade de vida para as pessoas cadastradas nesse benefício com o auxílio de um microcrédito que pode ser usado para a abertura de um pequeno negócio ou ser investido na qualidade de vida. Mas para obter esse empréstimo é necessário se adequar a algumas regras.

Primeiro é necessário ter um fiador, possuir uma outra renda qualquer que não seja apenas o bolsa família e aceitar que visitantes legais do programa podem fazer visitar para avaliar a situação do solicitante. É preciso também preencher um cadastro e atender alguns requisitos para ver se o solicitante tem o direito ao benefício do microcrédito que possui taxas de juros baixíssimas.

E quem tem direito ao microcrédito?

Primeiro é necessário está cadastrado no bolsa família, com cadastro ativo e sem qualquer inadimplência.

– O Cadastro único precisa estar atualizado.

– Ser de família pobre.

– Crianças e adolescentes da família precisam estar matriculados e estudando em escolas.

– Todas as mulheres da casa precisam estar participando dos programas de saúde exigidos.

Como fazer a solicitação do microcrédito?

Estando dentro de todas as regras exigidas pelo programa do bolsa família para a liberação do microcrédito é possível fazer a solicitação do benefício através da Caixa Econômica Federal, que é o banco responsável pelos pagamentos dos benefícios do bolsa família e é através dele que a aprovação será obtida.

Então é preciso reunir todos os documentos necessários.

– Identidade e CPF

– Comprovante de residência, comprovante de renda.

– Carteira de trabalho.

– Inscrição do Cadastro Único.

– Cartão do benefício.

Então você pode ir ate uma agencia da Caixa Econômica junto com o fiador e os documentos citados para se encontrar com um representante do programa e pedir sua avaliação para o empréstimo.

Será dado um prazo para que essa avaliação seja feita, inclusive com a visita de algum representante, para que seja visto se você está apto para que o microcrédito seja liberado.

O prazo pode demorar cerca de 8 dias após a visita e caso o empréstimo seja aprovado, você irá saber qual valor foi liberado e quando poderá fazer a retirada que pode ser feita através do próprio cartão do bolsa família.

O valor do microcrédito pode variar no mínimo de 300 reais e máximo de 15 mil reais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *